Banner Superior

Naturopatia: o poder da autocura

Naturopatia: o poder da autocura

Estilo Funcional: Naturopatia

A naturopatia como método não é algo recente!

A sua importância e relevância vem desde quando a medicina, como conhecemos hoje, não era tão avançada e mesmo após esse avanço ela continua sendo uma alternativa segura para se ter uma boa saúde.

Acontece que a medicina convencional nos traz tratamentos com remédios sintéticos, que apesar de na maioria dos casos funcionarem, trazem algum efeito colateral que pode ser prejudicial a saúde. 

Muitos de nós nos vemos na seguinte situação: vamos ao médico para tratar alguma doença e saímos de lá tratando essa doença e mais algum sintoma causado pelo tratamento aplicado.

A filosofia que a naturopatia prega tem como cerne não prejudicar o paciente e tratá-lo como a pessoa única que ele é.

Vamos entender mais!

Naturopatia, o que é?

A naturopatia é um conjunto de técnicas, que somadas formam um caminho complementar e natural para tratar da saúde, defendendo e promovendo tratamento 100% naturais e trazendo menores riscos às pessoas.

Uma abordagem natural

Os estudos da naturopatia defendem uma visão holística do indivíduo, onde todas as suas características, físicas, psíquicas e sociais são consideradas.

Baseado nesses aspectos são indicadas terapias naturais complementares para que o corpo reaja, estimulando os seus próprios mecanismos de defesa para restaurar seu equilíbrio.

Todo esse trabalho é feito a fim de promover a autocura.

Os princípios da naturopatia

Para saber em maiores detalhes o que é naturopatia, vamos entender o seus princípios: 
  • Força vital: a naturopatia trabalha a saúde no âmbito físico, mental e emocional e afirma que cada pessoa possui em seu corpo uma força vital capaz de promover a autocura. Esse processo de regulação do equilíbrio que acontece em nosso corpo, chama-se: homeostasia.

  • Sintomas da doença: quando temos algum sintoma, isso demonstra que nosso corpo já está em busca de seu equilíbrio, ou seja, a homeostasia já está em andamento. Uma febre indica uma doença, mas não só isso, a febre é a demonstração do combate à doença.

  • Tratamento Natural: o tratamento aplicado deverá estimular esse corpo a combater de forma mais eficaz essas doença para restaurar o equilíbrio o quanto antes. 

A tríade da naturopatia

Com base no tratamento holístico, são tratados três aspectos:

  • Saúde Estrutural (física)
  • Saúde Bioquímica (influência dos alimentos)
  • Saúde Emocional (emoções que afetam o organismo)

O naturopata é médico?

Tanto a medicina convencional como a naturopatia possuem a mesma finalidade, promover saúde e bem-estar, a diferença principal está na abordagem dessas práticas.

Exatamente por essa semelhança na finalidade pode surgir a questão: naturopata é médico?

A resposta é simples: Não necessariamente!

O estudo da medicina convencional e da naturopatia são diferentes e acontecem em cursos distintos, entretanto nada impede de que um médico já formado na medicina tradicional se especialize e torne-se um naturopata.

Por isso o ideal em uma consulta com o naturopata é informar a ele todos os remédios convencionais que você utiliza e o mesmo vale para o médico, informe a ele todas as práticas da naturopatia que você vem utilizando.

Como é a visita a um naturopata?

Antes de falarmos como é a visita a um naturopata, vamos descobrir onde podemos encontrar esse tipo de profissional.

A boa notícia é que a naturopatia tem sido cada vez mais reconhecida e já é aplicada em centros de referências como: o departamento de Medicina Integrativa e Complementar do Instituto Israelita Albert Einstein e o Núcleo de Cuidados Integrativos do Hospital Sírio-Libanês.
Quer saber mais sobre Saúde Integrativa!? Acesse nosso artigo: Saúde Integrativa: Tratando além da doença!

Além disso o profissional da naturopatia pode atuar em diversos locais:

  • Consultórios
  • Clínicas de bem estar
  • SPAs
  • Academias
  • Estúdios de yoga, pilates e afins
  • Hotéis
  • Cruzeiros marítimos

Agora que você já sabe onde encontrá-lo, vamos entender como esse profissional atua em consultório e quais tratamentos pode aplicar ou indicar para o paciente.

Como funciona

A consulta

A consulta com esse profissional é bem diferente do  que estamos habituados.

Em geral mencionamos os sintomas do que estamos sentindo ao médico e ele toma uma ação, que pode ser receitar remédios sintéticos ou solicitar exames antes de indicar os remédios.

Aqui vemos um tratamento explícito, apenas, dos sintomas.

A consulta com o naturopata envolve os diversos aspectos já citados anteriormente, pois o objetivo é manter corpo e mente sãos.

Por isso eles procuram a causa raiz de um problema que esteja gerando determinados sintomas, então, em uma primeira consulta o paciente será questionado acerca de muitas vertentes de sua vida e de seus hábitos, abrangendo o aspecto profissional e pessoal, alimentação, além do histórico familiar.

O naturopata ainda costuma checar a pressão arterial do paciente, observar a pele, olhos, garganta e ouvidos e auscultar o coração.

Dentro de todo esse panorama ele irá definir um tratamento que faça o seu corpo tornar-se estável novamente.

O tratamento da naturopatia

Como já mencionado, o tratamento indicado pelo naturopata é feito de acordo com um visão global do indivíduo.

O objetivo fundamental de um tratamento como esse é estimular o corpo a se defender naturalmente de qualquer doença. Para isso, são definidas as terapias indicadas, duração e quantidade de forma que atuem junto ao corpo com o intuito de alcançar o restabelecimento completo das funções metabólicas.

Tratamentos Indicados

Quais tratamentos são indicados dentro da naturopatia?


Muitos tratamentos utilizados dentro da abordagem da naturopatia já são bem conhecidos em nossa comunidade e talvez você se identifique com algum ou vários.

  • Cromoterapia
  • Aromaterapia
  • Cristaloterapia
  • Florais de Bach
  • Fitoterapia
  • Dietoterapia
  • Argiloterapia
  • Meditação
  • Medicina Chinesa
  • Medicina Ayurvédica
  • Radiestesia
  • Feng Shui
  • Ventosaterapia


Em geral o naturopata é especialista em alguns tratamentos, mas não em todos. Os tratamentos definidos por ele podem ser aplicados ou indicados para serem realizados com outros profissionais.

Se você quiser saber mais sobre todas essas terapêuticas complementares não deixe de continuar nos acompanhando!

Postar um comentário

0 Comentários